R. Santa Catarina, 40 - Sl. 303 - Centro - São Caetano do Sul - SP

Diferença entre APR e Inventário de Riscos do PGR

Você já se perguntou qual a diferença entre elaborar uma APR (Análise Preliminar de Riscos) ou quando analisar o inventário de riscos do PGR? Você sabe o momento certo de utilizar cada uma dessas análises? Nesse artigo procuramos responder algumas dessas perguntas… boa leitura!

Análise Preliminar de Riscos (APR)

Definição: A Análise Preliminar de Riscos (APR) é uma metodologia sistemática utilizada para identificar e avaliar riscos potenciais associados a atividades específicas ou processos antes de sua execução ou, em certos casos, quando houver a necessidade de uma investigação da real exposição do trabalhador.

Objetivo: O principal objetivo da APR é identificar perigos e implementar medidas de controle antes que as atividades comecem garantindo a segurança dos trabalhadores e a integridade das instalações.

Características:

  • Foco: A APR é focada em atividades específicas, geralmente realizada antes do início de uma tarefa ou operação nova. Também pode ser utilizada quando determinada atividade for muito complexa, necessitando decompor em partes menores para obter informações mais precisas de investigar como determinado agente de risco ou substância se dispersa no ambiente de trabalho.
  • Periodicidade: Pode ser realizada sempre que há uma nova atividade, mudança de processo ou conforme a necessidade identificada.
  • Abordagem: Envolve uma equipe multidisciplinar que identifica riscos e sugere controles preventivos.
  • Documentação: Resulta em um relatório detalhado que documenta os perigos identificados, a avaliação dos riscos e as medidas de controle recomendadas.

Aplicação Prática:

  • Planejamento de tarefas específicas.
  • Implementação de novos processos ou operações.
  • Alterações significativas em processos existentes.
  • Investigação aprofundada de uma atividade mais complexa.

Inventário de Riscos do PGR

Definição: O Inventário de Riscos do Programa de Gerenciamento de Riscos (PGR) é um documento abrangente que compila todos os riscos identificados em uma organização, abrangendo todas as áreas e processos.

Objetivo: O objetivo do Inventário de Riscos é fornecer uma visão geral completa dos riscos presentes na organização, permitindo um gerenciamento contínuo e sistemático dos riscos ao longo do tempo utilizando o ciclo PDCA, onde P (Pan: Planejar), D (Do: Fazer), C (Check: Checar) e A (Act: Agir).

Características:

  • Foco: O Inventário de Riscos tem um foco mais amplo, cobrindo todos os processos, áreas e atividades da organização.
  • Periodicidade: É um documento vivo que deve ser atualizado regularmente, ou sempre que houver mudanças significativas na organização.
  • Abordagem: Envolve a identificação e avaliação de riscos em todas as áreas da organização, não apenas atividades específicas.
  • Documentação: Contém uma lista abrangente de todos os riscos identificados, sua avaliação e as medidas de controle em vigor ou necessárias para mitigá-los.

Aplicação Prática:

  • Gestão contínua de riscos em todas as áreas da organização.
  • Atualização e revisão periódica para refletir mudanças nas operações e no ambiente de trabalho.
  • Base para o desenvolvimento de planos de ação para tomada de decisão e políticas de segurança da organização.

Comparação Direta

AspectoAPRInventário de Riscos do PGR
EscopoAtividades e/ou processos específicos, investigação aprofundada de uma determinada atividade complexa.Todos os processos e áreas da organização
ObjetivoIdentificar e controlar riscos antes da execução de atividades específicasFornecer uma visão geral completa e contínua dos riscos na organização
PeriodicidadeConforme necessário, antes de novas atividades ou mudanças de processoRegular ou conforme mudanças significativas
FocoRiscos específicos de uma tarefa ou operaçãoTodos os riscos organizacionais
AbordagemEquipe multidisciplinar para atividades específicasEnvolvimento de toda a organização para uma visão abrangente
DocumentaçãoRelatório detalhado de riscos e controles específicosInventário abrangente de todos os riscos e controles na organização



Conclusão

A APR e o Inventário de Riscos do PGR são ferramentas complementares no gerenciamento de riscos dentro de uma organização. Enquanto a APR é focada em atividades ou processos específicos e é usada principalmente para prevenir riscos antes da execução de tarefas, o Inventário de Riscos do PGR oferece uma visão abrangente e contínua de todos os riscos presentes na organização, facilitando um gerenciamento sistemático e integrado dos riscos.

Leia também:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *